Concursos

  1. O que é produzido pela Casa da Moeda do Brasil (CMB)?

    A CMB dispõe de três unidades industriais, o Departamento de Cédulas (DECED), responsável pela impressão das cédulas do meio circulante; Departamento de Moedas e Medalhas (DEMOM); que atua na cunhagem de moedas de circulação e também moedas e medalhas comemorativas; e o Departamento de Gráfica Geral (DEGER), a quem cabe a produção dos itens gráficos de segurança.


  2. Como é realizado o ingresso no quadro funcional da CMB?

    O ingresso é realizado por meio de Processo Seletivo Público, com Edital de Recrutamento publicado no Diário Oficial da União, divulgados no site da CMB (www.casadamoeda.gov.br) e em veículos oficiais de comunicação.


  3. Quem pode participar dos processos seletivos públicos para a CMB?

    O processo seletivo público é aberto a todos que atendam aos requisitos estabelecidos no edital.


  4. Quais os cargos serão oferecidos no próximo concurso?

    Lendo a íntegra do Edital de Recrutamento o candidato poderá se informar sobre os cargos oferecidos, requisitos básicos, jornada de trabalho, vantagens e benefícios e as etapas do concurso, além dos anexos relativos aos postos credenciados, conteúdo programático e cronograma do concurso.


  5. Para onde são destinadas as vagas do concurso da CMB?

    As vagas oferecidas no Edital de Recrutamento da CMB destinam-se a sua única unidade fabril, localizada no Distrito Industrial de Santa Cruz na cidade do Rio de Janeiro.


  6. Como são realizadas as convocações dos candidatos habilitados à segunda etapa do Processo Seletivo?

    Os candidatos convocados de acordo com o surgimento de vagas, por meio de telegrama com comprovante de recebimento remetido ao endereço informado no ato da inscrição ou atualizado, posteriormente, pelo candidato.


  7. Como posso atualizar meu endereço?

    A atualização de endereço, junto a CMB, pode ser realizada através de carta registrada ou pelos endereços eletrônicos: sers@cmb.gov.br e concursos@cmb.gov.br.


  8. Todos os aprovados para o cadastro de reserva são convocados?

    A aprovação do candidato para o cadastro de reserva não implica na obrigatoriedade de sua contratação, cabendo à CMB o direito de aproveitar os candidatos em número estritamente necessário para o provimento das vagas existentes e para as que surgirem ao longo do prazo de validade do processo seletivo público, conforme a “conveniência da Administração”.


  9. Caso ocorram desistências por parte dos candidatos, a CMB pode convocar além do quantitativo estabelecido para o cadastro de reserva?

    Somente poderão ser convocados os candidatos aprovados que constem na lista de cadastro de reserva publicada no Diário Oficial da União que homologa o resultado final do concurso.


  10. Como é definido o cadastro de reserva?

    Os quantitativos estabelecidos no cadastro de reserva para cada cargo são determinados de acordo com a freqüência de ocupação, sendo assim, cada cargo de alta freqüência de ocupação terá um quantitativo maior e os de baixa freqüência um quantitativo menor.


  11. Como ter acesso ao andamento das convocações?

    O candidato pode consultar sua classificação e o andamento das convocações para o seu cargo no site www.casadamoeda.gov.br > Concursos > Consultar Classificação.


  12. Verifiquei que pessoas com notas mais baixas que as minhas foram convocadas e eu não. Porquê?

    O caso descrito acima pode ocorrer devido ao cumprimento do disposto no art. 37, inciso VIII, da Constituição da República Federativa do Brasil, na Lei 7.583/1989, e no Decreto 5.296/2004 que destina vagas aos portadores de necessidades especiais - PNE.


  13. Fui convocado, devo me desligar do meu emprego atual?

    Não. Os procedimentos para desligamento do emprego atual só deverão ser tomados após a conclusão da segunda etapa do processo seletivo e confirmação da data de admissão na CMB.